domingo, 18 de janeiro de 2009

O primeiro beijo que ganhei do meu amor foi em um sonho. Nós moravámos numa casa da árvore, grande e fresca, com suas paredes de madeira envelhecida, o que dava um ar aconchegante. Ele morava no sótão (uma casa da árvore com sótão) a nossa rua era toda gramada, bem verde, e na frente da nossa árvore tinha outra tão grande quanto a nossa, na esquina um rio fazia a curva. Nós estavámos deitados no chão da casa, conversando sobre o livro da Mafalda de Quino que ele tinha me emprestado, quando me beijou. Pouco tempo depois sonhei novamente que ganhava um beijo dele, mas dessa vez não foi na casa da árvore, estavámos sentandos em um banco. Esses dois sonhos estavam dizendo aquilo que eu queria que acontecesse.

3 comentários:

Diana Valentina disse...

tão apaixonada e tão linda.
e como eu fico feliz por ti.
ainda tenho sonhos, mas mais como pesadelos.
ainda não deu certo.

gabi disse...

Que maravilha isso tudo. Amei, lindo.

Briza disse...

e tu tem um blog, pequena!